domingo, 19 de maio de 2013

Crônica: A Porta

Olá pessoas, sejam bem vindos a mais um post.

Não vou enrolar, e vou dizer que não editei essa crônica, ou seja, ela está nua e crua em seu formato mais natural.

Espero que gostem.

 Sem mais, segue ae uma crônica nova =B


A Porta

Por Kelvinouteiro


Você acreditaria em mim se eu lhe dissesse que dentro do mundo dos sonhos, nas profundezas da mente humana existe uma porta?
Acreditaria também se eu dissesse que atrás dessa porta existe uma infinidade de coisas escondidas por milênios, esperando para serem descobertas?

Pois bem, acreditando ou não, essa porta existe. Ela não tem um nome correto apesar de ser conhecida por vários nomes diferentes como Nirvana, Paraíso, ou até mesmo Inferno.

Eu prefiro chama-la apenas de “A Porta”.

Há certo misticismo por trás da porta. Alguns acreditam que aquele que alcançar a porta encontrará redenção, outros dizem que você obterá todo o conhecimento do mundo... Outros perderão sua mente caso se aprofundem demais...

Eu prefiro acreditar que a resposta é: Todas as opções acima de muito mais.

Você já deve ter percebido que eu disse “Eu prefiro” algumas vezes, ou seja, eu nunca cheguei perto da porta. A única coisa que sei é aquilo que me contaram, estou apenas deduzindo e jogando minhas crenças para cima de vocês.

Falando de lenda, uma das que eu mais gosto diz que a pessoa que atravessar a porta por pura e espontânea vontade, obterá acesso eterno a ela, sempre que tiver vontade. O problema é que não é fácil de acessa-la.

Quem atravessa-la obterá poderes mentais além de todo o conhecimento que quiser como já disse antes. Poderá também invadir os sonhos das outras pessoas e passar mensagens sempre que quiser.

Fugindo do assunto, boa parte dos maiores gênios e heróis da história conseguiram atravessar a porta e como consequência, fizeram aquilo que os marcou por milhares, se não, centenas de milhares de anos.

Mas, como eu disse, são todas lendas. Não há nada que confirme isso.

Uma das lendas mais fortes sobre essa porta é a dos Cavaleiros Sem Alma, porém não há muitos relatos sobre eles nos meios normais. Não adianta jogar no Google que você não vai achar tão fácil. Talvez em um futuro próximo eu traga para vocês essa lenda, mas por hora não vem ao caso.

Voltando ao assunto, eu acredito que no outro lado da porta, o mundo funcione sem regras, sem leis físicas controlando o seu ambiente. Andar no teto, seres estranhos vivendo e andando por aí, pessoas falando em diversas línguas e todos se entendendo...
Imagine como se essa porta fosse a Deep Web: Você vai encontrar aquilo que estiver procurando. Se estiver procurando pelo inferno, assim sendo, o encontrará.

Não acho que tenha mais nada a acrescentar para vocês, o resto é tudo especulação. Quero que vocês pensem a respeito, pois a porta é moldada conforme os corações humanos. Aquilo que você imaginar vai estar lá, então, sejam criativos!

Construam vocês as suas portas, e se conseguirem encontra-la, por favor, me contem.
Obrigado.
Nos siga em outras redes sociais!